Arquivo da tag: Cyco

Baú dos Smiths

Depois de mergulharmos na séria Recuerdos de Mayorga, eis que mais um baú com pérolas dos Cycos se abre. Desta vez, trata-se de Dominy Smith, irmã do ex-batera do Suicidal, Amery Smith. Para o delírio da turma, ela fez a baita camaradagem de disponibilizar alguns registros dos primórdios do conjunto no Facebook.

As fotos nos lançam lá para o início dos anos 80, época em que o ST ainda aprumava o repertório e caçava uma chance para gravar o álbum que mudaria a vida de muita gente — a minha, por exemplo.

Jon Nelson dedilhava a guita, com sua vibe hendrixiana. Louie Mayorga era o titular do contra-baixo. Amery Smith empunhava as baquetas. E, claro, Mike Muquinho Muir, presidia o conjunto.

Artigos de luxo!

Antes das fotos, porém, deixo um registro. Durante um mês, o blog ficará sem atualizações, em virtude de uma viagem de trabalho. Segurem a onda que logo tudo volta ao normal. Valeu!

O roadie do ST Moony, Amery Smith de cabelo raspado e Kevin Guercio, vocalista do No Mercy, curtindo uma birthday party.

Festinha em Harrisburgh, na Pennsylvania. Mike Muir traja berma vermelha, enquanto Mayorga ostenta um calção Elite caqui.

Mike Muir versão bonequinho, Louie de azul, Amery de laranja e Jon Nelson sem camisa. 1983 - Ohio.

Mike Muir em Detroit, 1983, após passar a noite em um necrotério.

ST no Eletric Banana - Amery Smith é o primeiro, Mike Muir o segundo, Mayorga com um penteado invocado e Jon Nelson sem camisa.

 

7 Comentários

Arquivado em ST for Life

Cyco Tattoos – 8

Deixe um comentário

Arquivado em Cyco Tattoos

Caneca Cyco!

Já estamos caminhando bonito por 2010, mas vale a lembrança. Presente Cyco que o camarada Franco recebeu da namorada no natal do ano passado. A  caneca é exclusiva, feita por encomenda, coisa finíssima.

6 Comentários

Arquivado em ST for Life

Lights… Camera… ST! – 5 (replay)

Um replay do post, agora com um comentário do batera Amery Smith sobre o video…

“That might have been the first time that song was ever played live ? It is a pretty bad version, mistakes and all. There is a better version of that song somewhere with that line up playing, and it must be from 1984 also, it is from a MTV show called the Cutting Edge and they filmed at a soundcheck at the Grand Olympic Auditorium in Los Angeles with a couple cameras I think ?  I have not seen it since 1984 or so so I have no idea where or how to obtain it but would like to see it”.

************************************

Dica do camarada João Paulo Valente, diretamente de Portugal: ST tocando War Inside My head em 1984, três anos antes deste clássico ser incluído no álbum Join the Army. Simplesmente sensacional!

Como vocês podem perceber, trata-se do mesmo show do vídeo de I Saw Your Mommy publicado por aqui há um tempo. Ou seja, alguém deve ter essa apresentação inteira (ou boa parte dela), e já demorou para disponibilizar na internet!

Chance raríssima de ver Amery Smith, Jon Nelson e Louichi Mayorga em ação — sem contar o Muir, claro. E, ainda, curtir o clássico em versão ligeiramente diferente da consagrada.

O riff matador – responsável, geralmente, pela roda de pogo mais insana nos shows do grupo – está lá, em estado bruto, com sua pegada meio metal.  Mas a letra tem alterações consideráveis.

Como também já pintou por aqui, War Inside My Head guarda uma curiosidade. Foi composta por Muir e Nelson que, ao deixar o Suicidal, trocou os seus direitos autorais por uma Flying V.

1 comentário

Arquivado em Lights, Camera, ST!

Flashing Pictures – 9

Duas fotos espetaculares, da mesma sessão, ambas sacadas pelo Glen Friedman — o cara que ao lado de Craig Stecyk registrou todo o fenômeno do skate Dogtown e foi produtor do primeiro disco dos Cycos. Foram feitas em um fim de tarde na Playa Del Rey, em 1983.

Smith, Estes, Muir e Mayorga

Smith, Estes, Muir e Mayorga

Só o que consigo sacar da foto, com o meu pouco conhecimento de fotografia, é a utilização de uma lente grande angular, a chamada “olho de peixe”, muito usada em registros de skate. Rola uma “névoa” de leve, não sei se é algum efeito ou algo natural. O azulão de fim de tarde é muito massa, assim como o detalhe das fogueiras (?) na parte baixa.

Estes, Mayorga, Smith e Muir

Estes, Mayorga, Smith e Muir

Esse clique foi parar na capa do álbum de estreia. CLÁSSICO. A começar pelos caras de ponta cabeça, pendurados nesse globo à beira-mar. Infelizmente, a peça não está mais lá. Do contrário, certamente viraria ponto de peregrinação dos fãs do ST. Perguntei ao Amery Smith na entrevista de quem foi a ideia de se pendurar, e ele disse não se lembrar.

Nas roupas, em relação à primeira foto, mudou só a camisa do Mayorga, de amarela para branca. De resto, todo mundo metido nos mesmos panos. O Muir parece estar de boné, ao invés da bandana tradicional da primeira foto, mas não dá para ter certeza. Destaque para o bonézinho polêmico do Amery Smith, com a inscrição da gangue Venice 13. Pra fechar, absolutamente fantástico o céu e suas três (quatro? cinco?) cores do pôr do sol.

Nesse dia, Friedman ainda enquadraria um 3×4 de cada integrante, material incluído no encarte do disco de 83.

4 Comentários

Arquivado em Flashing Pictures