Arquivo da tag: Suicidal

Flashing Pictures – 22

É sempre legal ver um pouco dos bastidores das bandas. Nesse caso, a foto é de um pit stop do Suicidal em algum lugar da América do Norte. Destaque absoluto para o batera Eric Moore, o terror da geladeira, com sua jaca transada. Estão também por ali o camarada Pep Williams, além de Dean Pleasants, Steve Brunner e Mike Muir. Faltou apenas o Mike Clark na pose.

1 comentário

Arquivado em Flashing Pictures

Trujillo na área!

Enquanto o ST não volta ao solo brasileiro — e na esperança que um dia isso aconteça com a formação “anos 90” –, vamos curtindo a passagem do grande Robert Trujillo pelo país na turnê do Metallica. Já rolou show em Porto Alegre, ontem teve o primeiro em São Paulo e hoje à noite acontece o último no Brasil, também em Sampa.

Trujillo em Porto Alegra, na última quinta-feira.

É engraçado ver o Trujillo consolidado, definitivamente, em uma banda de metal. Afinal, o cara sempre mostrou ser um baixista de muito suingue, condição explorada abertamente só no Infectious Grooves. Falando nisso, certamente ele exerceu forte influência sobre Mike Muir para levá-lo por outro caminho que não o do ST.

O ex-ST em São Paulo, no sábado. À frente, James Hetfield.

No Suicidal, a fera Roberto Agustin Miguel Santiago Samuel Trujillo Veracruz adicionou pouco dessa pegada groove. Mais claramente, rolaram somente uns slaps em uns solinhos rápidos em Send Me Your Money, do Lights Camera, na regravação de I Saw Your Mommy para o Still Cyco, creio que ficou por aí.

Depois de participar do Lights, do The Art of Rebellion e do Suicidal For Life, além do Still Cyco, Trujillo tomou seu rumo após a dissolução dos Cycos na segunda metade dos anos 90. E acabou entrando na onda mega do Metallica em 2003.

Abaixo o video da audição e contratação dele pela banda, parte do documentário Some Kind of Monster. Detalhe para quando o batera Lars solta essa: “Para mostrar que nós estamos levando a sério, te oferecemos 1 milhão de dólares”.

Boa proposta, não?

6 Comentários

Arquivado em ST for Life

100 posts!

* with english version below.

Comecei o blog há pouco mais de cinco meses. Sem nenhuma pretensão, exceto pela disposição de não deixar o extenso material (fotos, principalmente) que coletei sobre o Suicidal praticamente morto em uma pasta do computador.

De lá para cá, já foram 100 posts publicados! O centésimo foi o logo abaixo, uma entrevista com o fotógrafo, skatista e camarada do ST Pep Williams.

Alguns posts me trouxeram imensa satisfação. Especialmente, as entrevistas com os ex-integrantes Louichi Mayorga, Amery Smith, Rick Battson e Jon Nelson — sem contar a do Mike Clark, membro ainda na ativa.

Da mesma maneira, foi muito legal conectar a galera que é fã do grupo. Juntar Cycos da Suécia, Portugal, França, Rússia, além dos brasileiros e americanos.

É isso aí… espero que esse seja apenas o primeiro marco e que muita coisa boa esteja por vir!

********************************

It’s beem 5 months since I’ve stated this blog. Back then, I didn’t have any objectives, I only desired to share all the Suicidal stuff I’ve been collecting in these years hidden in some computer folder.

Since then, it’s been 100 posts published! The post #100 is the one with the interview I made with Pep Williams, photographer, skater and ST bro.

Some posts has made me really happy and satisfied for doing this, specially the interviews with the former members of ST Louichi Mayorga, Amery Smith, Rick Battson e Jon Nelson –without mentioning the interview with Mike Clark, who’s still a ST member.

In the same way, it was really nice to conect with so many ST fans, gathering Cycos from Sweden, Portugal, France, Russia, beside brazilians and americans.

There you go… I hope this mark is only the first of so many stuff coming around!

3 Comentários

Arquivado em ST for Life

Catalyst, 14 nov

Já me perguntaram qual o motivo para eu praticamente não publicar material recente do ST (notícias, entrevistas, vídeos etc). Primeiramente, é bom deixar claro que continuo gostando da banda em seus dias atuais. Mas prefiro fuçar no que não está disponível, não foi bem explicado, ninguém deu muita atenção. É por aí…

Feito o esclarecimento,  vou então contrariar a “regra”. Videos de um show recentíssimo do Suicidal, realizado no último sábado, dia 14, no clube Catalyst, em Santa Cruz, California. Dica do camarada Marcelo Gomes.

Ainda não tinha visto o batera Erico Moore em ação. O cara é um monstro mesmo, além de uma figuraça. Paradão na banqueta, Moore mexe os braços como um polvo. Destaque para ele saindo de trás da bandeira (sensacional) com a caveira da capa de Come Alive ao entrar no palco.

Posto aqui dois vídeos. No primeiro, a abetura tradicional, com You Can’t Bring Me Down.  E o segundo, da minha música preferida, Subliminal. Tempo mais do que suficiente para reparar como o ST está mais vivo do que nunca.

Quem quiser conferir mais dessa apresentação do ST fresquinha, basta seguir os links abaixo:

Ain’t Gonna Take It

War Inside My Head

Send Me Your Money

Come Alive

Possessed To Skate

Feel Like Shit… Deja Vu

Cyco Vision

I Saw Your Mommy

BÔNUS

Indicado nos comentários pelo xará André Fiscina, segue um link para baixar um show do ST na Espanha, também de 2009, puxado do blog DarkBattM14’s Videos.

RAPIDSHARE

3 Comentários

Arquivado em ST for Life

Cycettes – 6

l_92e39f2298eb74f9f204bcf14b533d6e

2 Comentários

Arquivado em Cycettes

Jon Nelson na área – de novo

Nos comentários da entrevista que deu para este blog, Jon Nelson pintou novamente para divulgar seu novo som com a banda Nasty Habits. Trata-se da música Devil’s Playground, programada para pintar na área com o álbum Skinned Alive.

Nelson deixou o link que eu publico abaixo, no Youtube…

Particularmente, curti o som. Nenhuma relação com o Suicidal, além, é claro, do guitarrista canhoto fã de Jimi Hendrix. Um “hard-rokão” sujo, para o delírio das cabeleiras. Vale ouvir.

Olympic Auditorium '83

Nelson em show no Olympic Auditorium, nos tempos de ST

Deixe um comentário

Arquivado em ST for Life

Cycettes – 5

Encontrei essas fotos pela internet. O nome da garota é Emily Marilyn e ela curte roupas de latex. Mas não só isso. É grande fã também do ST. E ao jutar as duas paixões, deu no que vocês conferem logo abaixo…

Suffice to say, I like SxTx, a lot. VEX made me this number to flaunt at their Vegas gig!

Emily Marilyn by VEX. It's the parting of the sea when I step into a Suicidal Tendencies concert

Representn'! This is the infamous night to go down in psychobilly history! This was at the Klingonz gig!

1 comentário

Arquivado em Cycettes