Arquivo da tag: Download

Nove razões porque o ST comanda!

Esse texto é do site da revista inglesa Metal Hammer, devidamente traduzido e ilustrado para o blog.

Sem o Suicidal Tendencies, não haveria…
Biohazard, Hatebreed, Municipal Waste, Faith No More, Sick Of It All, Pennywise, Living Colour…

O clipe de ‘Institutionalized’
Com a participação da MILF (sigla para ‘Mother I’d Like do Fuck’, ou seja, uma coroa bonitona) mais gostosa de todos os tempos, uma fuga épica, um sósia do Ray Charles, uma versão enfurecida do Barney, o Dinossauro e muito skate. Isso aí!

Eles tornaram o skate cool
Sim, o skate já foi cool e o ST foi um dos responsáveis por isso. Nós ainda estamos aguardando a invenção do Hoverboard (aquele skate flutuante do filme ‘De volta para o futuro’) para a nova ascensão do skate.

I Saw Your Mommy
A definitiva música-para-cantar-junto. Se você não a conhece, arranje uma vergonha na cara.

Mike Muir tem o cacife para usar uma bandana
Apenas poucos caras podem vestir um adereço na cabeça e não parecer que está indo passar o feriado em Bridlington (uma cidade litorânea meio afetada do sul da Inglaterra). E o Mike Muir é um desses poucos caras.

Rob Trujillo
O baixista super herói iniciou sua vida musical no Suicidal Tendencies antes mesmo de se juntar à banda de Ozzy e hoje em dia, ao Metallica.

Invasão ao palco do festival Download
A última vez que a banda tocou no Download (festival de rock que acontece todo ano na Inglaterra, e é tido como o sucessor do lendário Monsters of Rock) foi em 2007, quando rolou uma invasão infernal no palco. Pensando melhor, nós acharíamos melhor chamar segurança extra da próxima vez.

R-E-S-P-E-I-T-O
Quantas bandas você pode citar que podem ser incluídas no mundo do hardcore, punk e do metal? Você tem um minuto para pensar. Não são muitas, não é?

O blusão de Hockey (hockey jersey)
Hoje em dia virou um uniforme nos shows de metal no mundo inteiro, mas quem começou com a história do blusão de hockey foi o Mike Muir. O cara já tem mais de 40 anos e ainda parece mais cool que qualquer um de nós. Droga.

Anúncios

3 Comentários

Arquivado em ST for Life

Crips e Bloods

É outra área, distante de Venice, mas vale a queda. Deixando o Suicidal um pouquinho de lado, mas não muito, quem curte os temas abordados nos últimos posts não pode deixar de conferir o documentário “Crips and Bloods: Made in America”, do ex-skatista Stacy Peralta.

Em uma hora e meia de filme, o lendário membro da rapaziada Dogtown dá uma geral caprichada nessas duas gangues, as mais representativas dos Estados Unidos. E assim, por tabela, nos faz sacar um pouco do cenário sempre fervilhante de Los Angeles, lar do ST.

Abaixo, algumas capturas que fiz do filme e dois links para quem, como eu, não aguenta esperar a chegada da peça ao Brasil (ambos não têm legendas).

Link 1: 2shared Link 2: Megaupload

ScreenShot003

ScreenShot002

ScreenShot001

3 Comentários

Arquivado em ST for Life

Demo 1982

Já tinha recebido esse arquivo há algum tempo, do camarada Dude Munhoz, supostamente uma demo de 1982, pré-lançamento do álbum de estreia. Ouvi, curti, mas sabe como é internet, fiquei na dúvida se a parada era real mesmo.

Recorri então ao Glen Friedman, produtor do primeiro disco do ST. Sem demora, ele confirmou. Saquem só…

“Anyway, YES indeed these first nine songs are the 1st demos Mike shared with me while we were both enrolled at Santa Monica Community College. Classic Stuff indeed, I was hoping it was going to be the SPOT demos we did when i first came on to help them out (which I can’t find anywhere in my archive), but these were prior. As for the last five songs, some of the titles are obviously used later on and they even seemed a bit mixed up on the listings here, but some songs I’ve never even heard. Good find for a die hard ST fan. Now you gotta go find that SPOY demo where Mike is still saying Coke instead of Pepsi”.

Formação
Mike Muir – vocal
Mike Ball – guitarra
Mike Dunnigan – baixo
Carlos “Egie” Egert – bateria

Quem quiser baixar, chega aqui

3 Comentários

Arquivado em Soundz